Qual a origem da marca Rauter Química?

COMPARTILHE

Já são mais de 70 anos dentro da indústria mas afinal, você sabe como começou essa história?

Iniciado em 1947, pelas mãos de seu fundador, Luiz Adolfo Rauter, de origem alemã, e nascido em Montenegro, interior do RS, foi envolvendo e congregou, filhos, netos e bisnetos desde então. Inicialmente com o nome de Luiz A Rauter, passando, depois, a chamar-se Luiz A Rauter e Cia Ltda e, posteriormente, Rauter Química Ltda, como segue até hoje.

Luiz Adolfo Rauter

Como nasceu a empresa?

A empresa nasceu logo após seu idealizador ter saído da Companhia de Anilinas e Produtos Químicos, onde trabalhava. Em razão do ramo químico ser de seu total domínio, pois atuou nesta área desde que começou a trabalhar, não lhe restou dúvidas do que fazer. Com seus investimos, Luiz Adolfo Rauter tratou de iniciar seu próprio negócio, na época, um escritório de representação de produtos químicos, que ficava na Rua Senhor dos Passos, no Centro de Porto Alegre.

O local onde foi instalada a Rauter Química, que se transformou no Distrito Industrial de Gravataí, tinha um morro, bem como era desejado, para que a indústria pudesse operar por gravidade, sem ter de usar bombas. Desta forma, os caminhões tanques descarregavam o produto em cima, no morro, onde, após, eram feitas as misturas, e, depois, também por gravidade, enchidos os tambores.

O começo da segunda geração

Ronald Rauter, o primeiro da família a trabalhar com o pai, Luiz Adolfo Rauter, chegou para marcar o início da segunda geração. Ele, que nasceu em 1937, iniciou sua vida de trabalho entre 14 e 15 anos de idade. Assim que se formou, entrou para a empresa e a noite, cursava técnico de contabilidade.

“Marcou-me muito a divulgação de nosso produto antiferrugem, Matoxide, feita pelo Exército, mesmo a Rauter não vendendo para a instituição. Eles publicaram no boletim da entidade o nome do produto e disseram que era encontrado em nossa empresa. Isso, porque os militares individualmente compravam o Matoxide da gente e faziam grande propaganda, aí acabou saindo nesta publicação deles, que tinha muita credibilidade, o que para nós foi ótimo em termos de venda.” Conta Ronald

Nascido em 1938, Norton Rauter, o filho mais novo de Luiz Adolfo, também foi trabalhar com o pai, no início da década de 1960. Na empresa, fazia dupla com Ronald, seu irmão. Em 1961, casou-se. Teve dois filhos e seguiu na Rauter Química também até 2006.

“Antes de iniciar na Rauter Química, eu estava fazendo curso de pilotagem na Varig. Parei os estudos para casar e fui trabalhar em nossa empresa. Meu pai sempre quis que eu e meu irmão trabalhássemos com ele e déssemos continuidade ao negócio. Fizemos um time que cresceu de uma forma muito boa. Saímos praticamente do zero e chegamos a uma empresa distribuidora de solventes’’ cita Norton.

Importação de produtos da Europa e situação atual

Em 1951,a empresa já importava produtos químicos da Inglaterra, da Alemanha, entre outros países, e os comercializava  na Avenida Ceará, 1249 em Porto Alegre, onde até hoje funciona como filial e comércio varejista. A loja vendia basicamente para grandes atacadistas, laboratórios, farmácias e empresas como a Varig, Panambra, Tramontina etc.

Atualmente a Rauter Química conta com uma fábrica em Gravataí, RS, com mais de X funcionários e com uma área de XXm, na região industrial da cidade. Em dezembro de 2005, foi conquistado o ISO9001(Sistema de Gestão da Qualidade), provando assim nosso compromisso com a melhoria contínua.